FUGA...


A solidão afaga meus cabelos
Deixo-me conquistar
Fantasio momentos que jamais vou viver
Distancio-me do meu ser.

A solidão murmura em meus ouvidos
Enlaça meus pensamentos
Com histórias mentirosas, mas saborosas
Inebria meu corpo, minha mente, domina a alma.

A solidão acaricia minha pele
Entrego-me em um desejo vazio
Os sentidos sentem sem ter o que sentir
Mascara a dor, afunda-me neste abstrato viver.

A solidão beija minha boca
Um beijo ardente, me devora
Calo-me diante de seu poder
Não há mais o que dizer.

A solidão cega minhas verdades
Jogo-me em seu mundo paralelo
Vivo alegre nessa fantasia
Não quero mais acordar.

Deixe-me sonhar em minha solidão...


Copyright © 2012 - Todos os Direitos Reservados à Marcela Re Ribeiro - Reprodução Proibida

LIVROS DA AUTORA

​SIGA-ME

  • Facebook Classic
  • Instagram ícone social
  • LinkedIn ícone social
  • Twitter Classic
  • c-youtube

© 2018 Todos os Direitos Reservados à Marcela Re Ribeiro